SINDIMETAL convida os trabalhadores (as) para seminário sobre previdência social, dia 26 de janeiro

Publicado em 25 de janeiro de 2021 | destaque, Notícias

LINK PARA ASSISTIR O SEMINÁRIO

Há mais de um ano, depois de um golpe que destituiu uma presidenta eleita do poder, Dilma Rousseff (PT), o país vive uma nova era na questão trabalhista e previdenciária. A Reforma da Previdência feita pelo golpista Michel Temer (MDB-SP) em 2019 alterou profundamente as regras de aposentadoria e pensão dos brasileiros e das brasileiras. É possível mudar o cenário? Qual o papel dos trabalhadores, trabalhadoras e dos movimentos sociais?

É este o debate que vai acontecer no seminário sobre “Previdência social pública e da classe trabalhadora”, coordenada pela Confederação Nacional dos Metalúrgicos da CUT (CNM/CUT), de forma virtual, na programação do Fórum Social Mundial 2021 (FSM2021), no próximo dia 26. [o link será divulgado em breve] E também levar este debate para as 6.000 pessoas e as 700 organizações de todos os setores da sociedade e de várias partes do mundo que já se inscreveram para participar do evento, que completa 20 anos em 2021.

O que mudou com a reforma da previdência? O que impacta a vida do trabalhador? Como vai ficar sua vida quando você se aposentar? Podemos mudar o que tá ai para deixar um mundo melhor para as novas gerações? Estas serão algumas das questões que poderão ser abordadas na atividade.

“Nesse encontro, o objetivo da CNM/CUT é fazer com que os trabalhadores conheçam essa previdência e que os trabalhadores possam entender o que essa reforma mudou e o que impacta na vida de cada brasileiro e brasileira. O que é uma aposentadoria especial, qual é o futuro dessa aposentadoria, o que pode esperar as novas gerações, se deixarmos como está e não trabalhar a importância da discussão da previdência pública”, explicou o Secretário-Geral da CNM/CUT, Loricardo Oliveira.

Comentários foram encerrados.